alexandra-anibal_fotopb

Alexandra Aníbal

Colaboradora



Nasci em Lisboa, em 1967, sou socióloga  e trabalho na Câmara Municipal de Lisboa, tendo vindo a exercer funções nas áreas da educação, formação e cultura. 

No âmbito dessas funções, e também no IEFP, trabalhei em educação e formação de adultos, tendo-me dedicado sobretudo à vertente de reconhecimento e validação de aprendizagens adquiridas fora do sistema de ensino, em contextos não formais e informais.

 

Em Portugal, sobretudo entre 2005 e 2011, no âmbito dos processos de reconhecimento, validação e certificação de competências, foram produzidas em Portugal dezenas de milhares de autobiografias que contêm dados muito ricos sobre a nossa história coletiva. Este “movimento social” português de escrita sobre a própria vida tem como protagonistas os adultos portugueses menos escolarizados, aqueles que, à partida, mantêm com a escrita uma relação menos familiar.

 

Eu e outro colega sociólogo, ambos motivados, desde há muito, para o resgate dessas autobiografias, ficámos muito satisfeitos ao descobrirmos o Arquivo dos Diários, ainda por cima sediado na belíssima Biblioteca de São Lázaro.. Tínhamos encontrado o “repositório” ideal para recolher essas histórias de vida.  Fiquei tão agradavelmente surpreendida com a missão do Arquivo, com o rigor e a coerência dos seus objetivos e metodologia e, last but not least, com a sua multidisciplinar, competente e acolhedora equipa, que decidi juntar-me a eles.

 

Juntos tentaremos resgatar, preservar e partilhar as memórias dos portugueses, incluindo as daqueles que habitualmente não contam a História.